domingo, 29 de janeiro de 2017

SEM PERDER A BASE POPULAR


25-2-63
Preciso de ler, um dia, Lawrence e Flaubert - «O Amante de Lady Chatterley» e «Madame Bovary».
Estive a pensar que preciso de melhorar a m/linguagem, elevando-a de modo a poder descrever situações, ambientes e personagens mais ricos e complexos, mas sem a tornar ininteligível ou menos concreta e sem perder a base popular... (para isso era preciso trabalhar muito... e a preguiça!)

José Luandino Vieira em Papéis da Prisão

Sem comentários: